Culinária Italiana. História e Origens Guia Cidades - Notícias, Turismo, Negócios, Cultura, Eventos, História
  • Quarta-feira, 21 de agosto de 2019
Portal da Cidade de Ribeirão Preto
Culinária Italiana. História e Origens

A gastronomia italiana ao contrário do que muitos pensam não se resume em pizza e macarrão, em geral a gastronomia italiana contém massas em seus pratos. Com fortes influências de diversos povos, climas, solos e relevos a gastronomia italiana tem sua diversidade de pratos inspiradas nesse mix de fatores.

Para melhor entender um pouco da vasta comida italiana, aconselha-se que faça um estudo por regiões, as duas grandes e principais e uma chamada de região de transição: Sul e ilhas, Norte e Centro-Norte. Na região Sul e ilhas são caracterizadas pela culinária mediterrânea, sendo frequente o uso de azeite de oliva, legumes e hortaliças, massa e vinho com variação de proteínas dependendo da localização.

Com muitos frutos do mar e peixes ao longo da costa a comida italiana fica ainda mais saborosa. No interior dessa região é bastante consumido animais de criação como, ovelhas, cabra, porco e gado bovino, caças também, em especial no mês de outubro.

A comida mais popular da Itália, a pizza é originária dessa região, da província de Napoli e a Mozzarella de leite de búffalas da região da Campânia. O centro-norte é a zona de trânsição, nas regiões Umbria, Marche e Toscana possui uma gastronomia mesclada das regiões Sul e Norte.

No Norte se encontra a região mais diversa em gastronomia da Itália e conhecida internacionalmente. É a região Emilia-Romagna do Presunto de Parma, vinho Lambrusco, mortadela de Bologna, queijo Parmiggiano-reggiano, aceto balsâmico de Modena e outros são representantes desta região.

A manteiga, o arroz e massas recheadas são comum a todo o Norte, embutidos e queijos também estão presentes, variedade de vinhos como, brancos, de sobremesa, espumantes e tintos soberbos. O risotto é um dos mais famosos pratos do norte da Itália, assim como o bollito misto, o carpaccio, o panettone e o ossobucco.

Os vinhos são apreciados em toda Itália, pois o país e recoberto de vinhedos, dos Alpes ao norte até as ilhas perdidas no Mediterrâneo, quase na África como Pantelleria. O grande secredo do sucesso da culinária da Itália pode não estar somente nos pratos e preparações.

A forma e o ato de comer também tem grande influência. Prova disso foi o movimento Slow Food na década de 80, quando estes pregavam valores simples, porém muito ricos e importantes de alimentação e produtos fescos e saudáveis, com boas companhias e tempo para a degustação.





Veja Mapas atualizados de Ribeirão Preto


Anuncie aqui

Veja também :


ultimas noticias

Classificados do Jornal da Cidade/Ribeirão Preto


Classificados do Jornal da Cidade: Veículos, Imóveis, Diversos.


Sua empresa ainda não tem site?